EVENTOS

Representação em debate: Core-MG e Sircom analisam melhorias para a categoria

02 Fevereiro, 2017

Evento contou com a presença dos presidentes do Core-MG e do Confere


Evento contou com a presença dos presidentes do Core-MG, Álvaro Alves Nunes Fernandes, e do Confere, Manoel Affonso Mendes de Farias Mello


Evento Representação em Debate

"A finalidade dessa reunião é aproximar a classe da sua Entidade". Com essas palavras, o presidente do Core-MG e do Sircom, Álvaro Alves Nunes Fernandes, abriu mais uma edição do evento Representação em Debate, realizado na sede do Conselho Regional, no dia 27 de janeiro último. Segundo Álvaro Fernandes, o encontro tinha como objetivo esclarecer dúvidas sobre a ação das entidades. "Sou Representante Comercial há 40 anos. Vivo na rua como cada um dos senhores e sei das dificuldades da nossa classe. Ao mesmo tempo, vejo que precisamos de mais esclarecimento, porque, às vezes, nossos colegas não tem conhecimento de seus direitos e deveres", ressaltou.

Em seguida, o presidente do Confere, Manoel Affonso Mendes de Farias Mello, ponderou. "Essa casa é dos senhores. Estamos aqui defendendo a profissão porque a amamos. As sugestões devem partir de vocês, que estão nas ruas vendendo". Para ele, há ainda uma grande distância entre os conselhos regionais e a categoria - o que não deveria ocorrer. "Os regionais só existem porque os senhores existem. Por isso, é a categoria que tem que tomar iniciativa e vir cobrar de quem está aqui. Estamos aqui para atender os senhores", frisou.

Após a exposição dos presidentes, a palavra foi aberta aos Representantes Comerciais presentes, para que pudessem esclarecer dúvidas. Participaram ainda da mesa de debate Pedro Paulo Garcia de Carvalho, procurador do Core-MG; e Izaac Inácio, procurador geral do Confere.


Representantes em debate

O primeiro tema levantado foi uma sugestão de um Representante Comercial para que seja desenvolvida uma campanha de valorização da categoria. Sobre esta questão, Pedro Paulo esclareceu que já existe uma proposta neste sentido e que a proposição será levada novamente para a reunião plenária do Conselho Federal neste ano, com a possibilidade de se criar uma campanha nacional sobre o tema, mostrando para a sociedade civil a relevância do Representante Comercial no contexto da economia como um todo.

Houve também um questionamento a respeito dos meios de comunicação do Core-MG, mais especificamente quanto à maneira com que os Representantes podem estar mais informados e, consequentemente, mais próximos do Conselho.

Pedro Paulo ressaltou também a importância de os Representantes acessarem o site do Core-MG (http://www.coremg.org.br), pelo menos uma vez por semana, para um melhor acompanhamento de todas as ações do Conselho, uma vez que se trata do veículo de comunicação oficial da casa.

Além disso, um dos presentes lembrou a importância e o papel que cada um dos profissionais da área possui na divulgação das ações do Conselho para os colegas.

Outros assuntos debatidos foram a importância da legislação que ampara os Representantes Comerciais; a falta de conhecimento dessa legislação por parte de empresários; a relevância do suporte jurídico que o Core-MG oferece; o papel de fiscalização da entidade em relação às empresas que estão em situação ilegal; a necessidade de uma maior união da categoria no interior; as variações nos valores das anuidades dos Cores em diferentes estados do país (o que está sendo padronizadas aos poucos, como foi esclarecido); entre outros tópicos.

Por fim, o presidente do Confere, Manoel Affonso, reiterou o fato de a casa estar sempre aberta para os Representantes Comerciais e salientou que todos estão lutando pela causa da categoria, e que é preciso, sempre, cobrar, dar sugestões e dialogar.



Parceiros

Utilizamos cookies para auxiliar na sua navegação e coletamos dados pessoais para atendimento das atividades finalísticas da entidade ou para atender interesses legítimos. Para mais informações, acesse nossa política de privacidade. Usando nosso portal, você aceita essas condições.

ACEITO